Unidos de Padre Miguel divulga protótipos para a mídia

upm

A agremiação que desfila na Série A optou por uma ação mais tímida em 2016 visando priorizar a produção do carnaval em detrimento à festa aberta ao público para divulgação das fantasias.

Que a crise econômica impactou fortemente o Brasil, não  é novidade para ninguém! E como não seria diferente, as escolas de samba também vêm sofrendo os reflexos dessa recessão que o país atravessa. Movido por uma visão estratégica, o carnavalesco da Unidos de Padre Miguel (UPM), Edson Pereira, optou por enviar o máximo de esforços financeiros na produção do desfile que tem como enredo Ossaim: o poder da cura e assim,  deixou de lado a tradicional festa de apresentação de protótipos da escola. Ele explica como tomou essa decisão:

Na UPM a gente gosta de fazer festa e geralmente são festas grandes, suntuosas para a comunidade, para o povo do samba. Só que isso acaba gerando um custo, o qual neste sentido eu preferi não onerar. Preferi investir o máximo que a gente pudesse nas fantasias, na reprodução, no barracão. Eu acho que seria muito mais válido neste ano que a crise está muito mais forte.

Edson escolheu alas que normalmente geram curiosidade em quem acompanha o carnaval, como é o caso das Baianas, onde ele abusa de sua irreverência e criatividade para compor a indumentária da ala. A cada ano ele brinca com uma pegada diferente  neste segmento,  que foge ao trivial,  ao estritamente tradicional conferindo modernidade sem roubar a essência das baianas. Outro exemplo de ala que normalmente gera curiosidade é a ligada ao abre-alas, que no próximo ano fará, de acordo com a concepção do carnavalesco, uma composição conjunta de fantasia e alegoria, dando movimento e vida ao primeiro setor da escola.

Essas alas são pontuais no segmento da escola, então você consegue desenhar mais ou menos a maneira que a escola vai desfilar, com que categoria de fantasia, com que acabamentos. Todo ano a gente faz protótipo,  mas esse ano  optamos por não fazer pelo momento financeiro.  Então, a importância de mostrar estas fantasias é mesmo dar uma satisfação ao público que acompanha a UPM, ao povo de samba que sabe que a gente está trabalhando. – revela Edson, ao explicar como definiu quais fantasias seriam apresentas ao público.

 

Os protótipos 

A Unidos de  Padre Miguel levará para a avenida um total de 22 alas que contarão a estória do enredo Ossain: o poder da cura, uma trama que mistura o poder dos orixás e das divindades espirituais que são observar as discrepâncias e incoerências da existência humanidade tem o poder de curar o corpo e a alma dos homens na Terra. As fantasias apresentadas à mídia pelo carnavalesco Edson Pereira configuram as seguintes alas do desfile da Unidos, em 2017:

Alegoria 01 – Orisa

Ala 02 – Sacerdotes

Ala 04 – Baianas (Acaçá)

Ala 12 – Passistas (banho de cheiro)

Ala 13 – Ogum

Ala 14 – Oyá

Com relação ao uso de materiais mais caros,  porém, usuais no carnaval, como as plumas que com o agravamento da crise econômica ficou ainda mais escassa a oferta deste artigo no mercado de adereços, o carnavalesco da Unidos de Padre Miguel não se abala em preocupações.  Afinal,  ele independente do cenário financeiro do país, já aposta em materiais alternativos, orgânicos e artísticos, de base reciclável, pintura de arte, além de outros que substituem e também complementam a produção do seu carnaval. Assim,  Edson consegue dar um equilíbrio e harmonia diferenciados na confecção das fantasias e carros. Segundo ele, “o enredo pede e favorece este tipo de material”.

 

Última chamada

A escola ainda disponibiliza algumas vagas para desfilar nas alas da comunidade. Os interessados podem procurar o Diretor de Harmonia Alcides Kenga.

As inscrições acontecem durante os ensaios, basta levar cópia da identidade, cpf, comprovante de residência, duas fotos 3×4 e o pagamento da taxa no valor de R$ 20,00 para a confecção da carteira da escola.

Aos componentes das alas, a diretoria solicita que estejam trajando a blusa oficial do enredo ou as cores vermelha e branca. A concentração acontece em frente a Kibon, Rua Figueiredo Camargo, a partir das 22 horas.

A Unidos de Padre Miguel será a quinta escola a desfilar no sábado de carnaval, com enredo: Ossaim – O poder da Cura, desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira.


Redação Ziriguidum: contato@ziriguidum.net.br

Fonte: Assessoria/AZ

Deixe seu comentário