Priscila Mathias: a musa que parou o barracão da União da Ilha

Foto 6

Após 29 carnavais pela União da Ilha, a estudante de Recursos Humanos, Priscila Mathias, que já desfilou na ala das crianças, passistas e até o ano passado era destaque de carro alegórico, a convite do presidente Djalma Falcão, em 2019 integra o time de Musas da Ilha.

Foto 3Na reta final do carnaval, ela realiza o seu primeiro ensaio fotográfico em meio as fantasias e alegorias do barracão da União da Ilha. A sessão de fotos aconteceu durante o expediente dos funcionários, que foram presenteados com as poses sensuais em pleno horário de trabalho.

Com o DNA insulano, sobrinha do Alfredo Fumaça, ex-presidente da agremiação, Priscila desfila na agremiação desde os 10 anos de idade. A Musa também teve uma breve passagem pela Unidos da Tijuca e alcançou o posto mais cobiçado pelas beldades do carnaval que é o de rainha de bateria, função que ocupou por 2 anos no bloco Tribo da Cacuia, localizado na Ilha do Governador.

Ela que já mantém um ritmo intenso de malhação para manter os 67 kilos, distribuídos em 1,70 de altura. Nesse período pré-carnavalesco foca no condicionamento físico para não fazer feio na passarela do samba. Com um olhar crítico e atento para o seu desempenho na avenida, ela gosta de assistir os vídeos das suas apresentações para corrigir as pequenas falhas.

Longe dos holofotes, antes mesmo do cargo de Musa, Priscila que é agente de aeroporto, nas horas vagas trabalha de forma voluntária no barracão da escola. A dedicação é tamanha que a beldade já passou por várias processos da confecção de uma fantasia.

– Ter o cargo de Musa da comunidade muito me honra. É uma responsabilidade enorme, encorajo meninas que frequentam os nossos ensaios. Se eu consegui, elas também podem. Quando eu entro no barracão para trabalhar, sinto prazer nisso. Recebo tanto amor nessa escola, o mínimo que posso fazer é colaborar e respeitar esse pavilhão, ressalta Priscila.

Foto4


Redação Ziriguidum: contato@ziriguidum.net.br

Fonte: Assessoria/Angel

Fotos: Lucas Dellatores

Deixe seu comentário