Lexa é coroada Rainha de bateria da Unidos de Bangu.

Foto 05
Na semifinal do concurso de samba-enredo da Unidos de Bangu no último domingo (27/08), a diretoria realizou a festa de coroação da Rainha de bateria do Caldeirão da Zona Oeste, a cantora Lexa. Charmosa, educada, glamourosa, elegante e radiante por abrir o Carnaval da Marquês de Sapucaí à frente da bateria da vermelho e branco da Zona Oeste, Lexa chegou por volta das 20h30 ao Cassino Bangu vestida num modelito vermelho, da cor da agremiação.
A noite começou por volta das 20 horas com a bateria de mestre Léo Capoeira comandando os sambas cantados pelo intérprete Leandro Santos. Com apresentação de sambas antológicos e de outras coirmãs, o clima festivo começou a animar a quadra do Cassino Bangu, que recebeu personalidades do mundo do samba, sambistas, compositores, segmentos, componentes, torcedores, imprensa e comunidade banguense.
Após a chegada de Lexa, que se dirigiu ao camarote reservado especialmente para que recebesse seus convidados, a diretoria deu início à apresentação dos segmentos da escola: Velha Guarda, baianas, passistas e casais de mestre-sala e porta-bandeira. Em seguida, Milton Cunha assumiu o microfone para a apresentação e coroação da rainha Lexa.
Com um vestido dourado e muito charme, Lexa subiu ao palco do Cassino sob aplausos dos presentes. Ela fez um pequeno discurso agradecendo a diretoria da Unidos de Bangu pelo convite. A esposa do presidente de honra, Sandro Avelar, Rosane Avelar foi quem entregou a faixa de rainha à Lexa, seguido da primeira-dama, Carol Strassy, que foi a responsável pela colocação da coroa sobre a cabeça da cantora.
Já coroada, Lexa posou para os fotógrafos juntamente com a diretoria da agremiação, seguindo em direção ao segundo palco, onde pegou o microfone e cantou um dos seus sucessos, sendo prontamente recebida pelos ritmistas do Caldeirão da Zona Oeste. Antes disso, porém, mestre Léo Capoeira deu as boas-vindas para a funkeira.
Logo após a cerimônia de coroação e apresentação da nova Rainha, teve início a semifinal de samba-enredo com apresentação dos sete sambas concorrentes. Cada parceria se apresentou com uma passada sem bateria, duas com os ritmistas, uma com a torcida e fechando com o Caldeirão da Zona Oeste.
O resultado saiu após as apresentações dos sambas. Foram classificadas para a grande final, que será realizada no próximo domingo, dia 03 de setembro, às 18 horas, as parcerias de Marcelo Guimarães (Samba 02), Fábio Fonseca (Samba 03), Felipe Filósofo (Samba 05), Diego Nicolau (Samba 06) e Thiago Martins (Samba 10).
A escolha do hino oficial do enredo “A Travessia da Calunga Grande e a Nobreza Negra no Brasil”, que será desenvolvido pelo carnavalesco Cid Carvalho, será feita de forma democrática e o público terá direito a voto em uma urna ao entrar na quadra, bem como a Imprensa. O voto do público terá peso 02 e da Imprensa, peso 01.
Confira alguns registros da festa:

Redação Ziriguidum: contato@ziriguidum.net.br

Fonte: Assessoria/AV
Fotos: Adriana Vieira
Deixe seu comentário